Solução para o Screen Tearing no Ubuntu

screen-tearing-portal Solução para o Screen Tearing no Ubuntu Dicas

Umas das coisas mais irritantes e distrativas para quem consome jogos e vídeos no computador é o screen tearing, aquele efeito bizarro de “tela cortada” ou “picotando” que acontece quando a taxa de quadros gerados pela placa de vídeo está fora de sincronia com a taxa de atualização do monitor — 80fps em um monitor de 60Hz, por exemplo. Embora as tecnologias VSync (NVidia) e FreeSync (AMD/Intel) resolvam o problema, ambas ainda não são suportadas no Linux, mas existe uma solução bem simples para o problema.

Neste rápido tutorial, você vai aprender a se livrar do screen tearing de uma vez por todas.

screen-tearing Solução para o Screen Tearing no Ubuntu Dicas
Adeus, tearing! Até nunca mais! RRRAAR! ?

Passo 1: Abra o Terminal e cole a linha de código abaixo.

sudo apt-get install mesa-utils

Este pacote deve instalar alguns utilitários do Mesa GL, como glxinfo e glxgears, que serão importantes para os passos seguintes.

Passo 2: Ainda no Terminal, vamos criar o diretório /etc/X11/xorg.conf.d/ com a seguinte linha:

sudo mkdir /etc/X11/xorg.conf.d/

Passo 3: Se você utiliza GPU integrada da Intel, cole agora o código abaixo para criar o arquivo de configuração:

echo -e 'Section "Device"\n Identifier "Intel Graphics"\n Driver "intel"\n Option "AccelMethod" "sna"\n Option "TearFree" "true"\n Option "DRI" "3"\n EndSection' | sudo tee /etc/X11/xorg.conf.d/20-intel.conf

Mas se sua placa gráfica é da AMD/Radeon, o código é este:

echo -e 'Section "Device"\n Identifier "Radeon"\n Driver "radeon"\n Option "TearFree" "on"\n Option "DRI" "3"\n EndSection' | sudo tee /etc/X11/xorg.conf.d/20-amd.conf

No Ubuntu 17.04 ou mais recente, o processo é similar, mas com algumas diferenças. Os arquivos ficam dentro da pasta /usr/share/X11/xorg.conf.d/ e você deve usar os códigos abaixo, dependendo do seu hardware (Intel ou AMD, respectivamente):

echo -e 'Section "Device"\n Identifier "Intel Graphics"\n Driver "intel"\n Option "AccelMethod" "sna"\n Option "TearFree" "true"\n Option "DRI" "3"\n EndSection' | sudo tee /usr/share/X11/xorg.conf.d/20-intel.conf

echo -e 'Section "Device"\n Identifier "AMD"\n Driver "amdgpu"\n Option "TearFree" "true"\n Option "DRI" "3"\n EndSection' | sudo tee /usr/share/X11/xorg.conf.d/10-amdgpu.conf

Pronto! Basta reiniciar o computador para as modificações surtirem efeito e você poder jogar e assistir vídeos sem aqueles picotes chatos na tela.

Alguns usuários relataram que essa solução também resolve um bug do Gnome Videos que faz o sistema voltar para a tela de login no meio da reprodução de alguns vídeos MKV e MP4.

Você pode testar se a modificação surtiu efeito dando o play no vídeo abaixo e conferir se o tearing ainda está presente.

Como Reverter

Caso você queira desfazer a modificação, basta remover o arquivo pelo Terminal com uma das linhas correspondentes:

(Intel)
sudo rm /etc/X11/xorg.conf.d/20-intel.conf
sudo rm /usr/share/X11/xorg.conf.d/20-intel.conf

(AMD)
sudo rm /etc/X11/xorg.conf.d/20-amd.conf
sudo rm /usr/share/X11/xorg.conf.d/10-amdgpu.conf

Após reiniciar o sistema, a modificação deve ter sido revertida com sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *