Como criar um arquivo Swap no Ubuntu

hard-drive-maintenance Como criar um arquivo Swap no Ubuntu Tutorial

Digamos que você tenha um sistema já instalado e rodando em produção quando, num belo dia, descobriu que a partição Swap que foi configurada inicialmente não é o suficiente. Ou que você fez um upgrade de memória RAM e não pode mais colocar o seu notebook para hibernar. Existe alguma forma de aumentar o Swap sem mexer nas partições do disco?

Sim. Você pode criar um arquivo Swap e configurar para alocá-lo em qualquer outra partição do seu disco sem muitos problemas.

No rápido tutorial abaixo, eu ensino como fazer esta mudança no Ubuntu Linux, mas o método deve funcionar para as demais distribuições Linux como Fedora, CentOS, Linux Mint ou ElementaryOS, por exemplo.

A regra do tamanho do Swap varia e existe muita discordância em relação a isso, mas para computadores pessoais costuma ser assim: Se você tem 2Gb ou mais de RAM, o Swap deve ter metade do valor; mas se você tem menos que 2Gb ou pretende colocar o sistema para hibernar, o valor deve ser o mesmo da RAM. Aqui neste tutorial, como um exemplo, vamos usar o valor de 8Gb de RAM e 4Gb para Swap.

Passo 1: Abra o Terminal e crie um swapfile no diretório /mnt colando a linha abaixo, seguido de Enter. Você precisará de privilégios de administrador para prosseguir.

sudo fallocate -l 4g /mnt/swapfile

Caso o comando fallocate não seja compatível com o seus sistema de arquivos (XFS ou Btrfs), use a seguinte linha de comando:

sudo dd if=/dev/zero of=/mnt/swapfile count=4096 bs=1MiB

O resultado deve ser o mesmo.

Passo 2: Ainda no Terminal, mude as permissões deste arquivo. Se existe apenas um usuário na máquina, recomendo usar o valor 600, mas se outros usuários podem logar no sistema, use o 666.

sudo chmod 600 /mnt/swapfile

Passo 3: Com arquivo criado e permissões configuradas, vamos habilitar e ativar o arquivo Swap recém criado. Cole uma linha por vez no Terminal.

sudo mkswap /mnt/swapfile
sudo swapon /mnt/swapfile

Passo 4: Para tornar a configuração permanente, será preciso editar outro aquivo. Cole o código abaixo no Terminal.

sudo nano /etc/fstab

Passo 5: Um arquivo de textos será aberto. Cole o código abaixo ao final deste arquivo.

# Arquivo Swap
/mnt/swapfile none swap sw 0 0

Caso você já tenha um Swap ativo no sistema, você pode querer substituir a linha correspondente ou pular uma linha e colar logo em seguida, mantendo os dois.

Salve o arquivo com Ctrl+O, depois Enter. Digite Ctrl+X para sair.

Pronto! Toda vez que o sistema for reiniciado, o novo arquivo Swap estará ativo.

Para remover ou desabilitar, basta usar os comandos abaixo e remover as linhas adicionadas dentro do aquivo /etc/fstab ou comentar com um “#” no início.

sudo swapoff /mnt/swapfile
sudo rm /mnt/swapfile

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *