Ilustração mostra tela de notebook com logo do bluetooth e duas pessoas trocando aquivos entre dispositivos
Freepik/vectorjuice

O Arch Linux é uma distribuição Linux voltada para usuários avançados que preferem personalizar sua instalação desde os recursos mais básicos do sistema operacional. Isso significa que essa distro não vem com muitos dos recursos pré-configurados e aplicativos já instalados que você encontraria em outras distribuições Linux, como o Ubuntu ou mesmo o Manjaro (baseado em Arch). Um desses recursos é o Bluetooth, que vem desabilitado por padrão.

A razão para isso é que a equipe de desenvolvimento do Arch Linux segue uma abordagem minimalista para a distribuição. Isso significa que eles evitam incluir recursos e aplicativos desnecessários na instalação padrão, o que pode levar a um sistema mais enxuto, eficiente e com menos riscos de “quebrar” com atualizações – o Arch é uma distribuição rolling release. Como o Bluetooth ainda é visto como um recurso secundário, em muitos casos, os mantenedores da distro decidiram por mantê-lo desativado na instalação padrão.

Além disso, o Bluetooth pode apresentar problemas de segurança, especialmente quando não está configurado corretamente. Isso pode ser uma preocupação para usuários avançados que desejam um sistema com um segurança mais robusta. Em resumo, a política de segurança aqui é a seguinte: se o usuário precisar de um recurso, ele pode ativá-lo por conta própria.

No Arch Linux, configurar o Bluetooth pode ser um pouco desafiador para os usuários que estão iniciando, mas não há muito mistério. Neste guia, vou mostrar um passo a passo.

Configuração

Passo 1: Verifique se o Bluetooth está habilitado.

Antes de configurar o Bluetooth, é importante verificar se ele está habilitado no seu sistema. Para isso, abra um terminal e execute o seguinte comando:

systemctl status bluetooth

Se o Bluetooth estiver habilitado, você verá uma mensagem indicando que o serviço está em execução. Caso contrário, você precisará habilitá-lo executando o seguinte comando:

systemctl enable bluetooth

Passo 2: Instale o pacote necessário.

Se o Bluetooth não estiver habilitado, pode ser que os pacotes necessários não estejam instalados. Você precisará instalar o pacote bluez. Para isso, execute o seguinte comando no terminal:

sudo pacman -S bluez bluez-utils

Passo 3: Configure o serviço do Bluetooth.

Depois de instalar o pacote bluez, é necessário configurar o serviço do Bluetooth. Para fazer isso, você precisará editar o arquivo main.conf. Abra o arquivo usando o editor de texto de sua escolha. Neste exemplo, usaremos o editor de texto nano:

sudo nano /etc/bluetooth/main.conf

Dentro do arquivo, localize a seção [Policy] e remova o # antes da seguinte linha:

AutoEnable=true

Salve e feche o arquivo com Ctrl+O e Ctrl+X, respectivamente.

Passo 4: Reinicie o serviço do Bluetooth.

Depois de fazer as alterações no arquivo main.conf, você precisará reiniciar o serviço para que as alterações tenham efeito. Para fazer isso, execute o seguinte comando:

sudo systemctl restart bluetooth

Pronto! Se tudo correu bem, a partir deste ponto você já pode encontrar os dispositivos disponíveis para pareamento direto da interface de configuração do sistema, independente se você usa Gnome, KDE, Xfce ou outro ambiente de desktop no seu Arch Linux. Porém, se você quer finalizar a configuração e parear seus dispositivos através de linhas de comando, continue seguindo o tutorial nos itens abaixo.

Pareamento

Passo 5: Verifique se o dispositivo Bluetooth está visível.

Agora que o Bluetooth está habilitado e configurado, é hora de verificar se o dispositivo que planeja conectar está visível para o seu computador. Para este tutorial, vou usar como exemplo o fone sem fio Edifier W800BT.

Primeiro, vamos buscar por dispositivos próximos. Para fazer isso, ligue o dispositivo desejado ou ative o modo de pareamento Bluetooth para que ele possa ser encontrado, então execute o seguinte comando:

bluetoothctl scan on

Digite Ctrl+C para encerrar a busca. Agora, use o comando abaixo para listar nome e endereço MAC dos dispositivos.

bluetoothctl devices

Se o dispositivo estiver visível, você o verá em uma lista parecida com esta:

Device 4C:13:F8:B2:D6:69 4C-13-F8-B2-D6-69
Device E1:FA:85:FF:D6:94 MI Band 6
Device 5C:C6:E9:25:C1:EA EDIFIER W800BT
Device E7:3F:E1:D9:92:5F Logitech Pebble
Device 20:10:06:29:06:F2 Keyboard Logitech K380
Device 70:B1:3D:09:6A:54 70-B1-3D-09-6A-54
Device 44:07:4E:2C:77:FA 44-07-4E-2C-77-FA
Device 00:7C:2D:6B:35:0C [TV] Samsung 7 Series (50)
Device 6E:7E:21:40:22:3E 6E-7E-21-40-22-3E
Device AC:5A:F0:7D:1F:BF AC-5A-F0-7D-1F-BF

Passo 6: Parear o dispositivo Bluetooth.

Depois de verificar se o dispositivo Bluetooth está visível, é hora de pareá-lo com o seu computador. Para fazer isso, execute o comando bluetoothctl pair XX:XX:XX:XX:XX:XX, substituindo a parte final pelo endereço MAC do dispositivo. Para o fone sem fio Edifier W800BT, vai ficar assim:

bluetoothctl pair 5C:C6:E9:25:C1:EA

Dependendo do dispositivo, o utilitário bluetoothctl solicitará a confirmação do pareamento. No caso do fone sem fio, o pareamento foi automático. Se você estiver tentando parear um teclado bluetooth, por exemplo, talvez seja solicitado para digitar um código de 6 dígitos no teclado, seguido de Enter, para finalizar o procedimento.

No terminal, você verá uma confirmação de pareamento parecida com esta:

Attempting to pair with 5C:C6:E9:25:C1:EA
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA Connected: yes
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA Bonded: yes
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA UUIDs: 00001108-0000-1000-8000-00805f9b34fb
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA UUIDs: 0000110b-0000-1000-8000-00805f9b34fb
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA UUIDs: 0000110c-0000-1000-8000-00805f9b34fb
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA UUIDs: 0000110e-0000-1000-8000-00805f9b34fb
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA UUIDs: 0000111e-0000-1000-8000-00805f9b34fb
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA ServicesResolved: yes
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA Paired: yes
Pairing successful

Passo 7: Depois de parear o dispositivo, é hora de conectar-se a ele.

Para fazer isso, execute o comando bluetoothctl connect XX:XX:XX:XX:XX:XX, substituindo a última parte pelo endereço MAC do dispositivo. Deve ficar assim:

bluetoothctl connect 5C:C6:E9:25:C1:EA

Se a conexão for bem-sucedida, você verá uma série de mensagens indicando que o dispositivo está conectado.

Attempting to connect to 5C:C6:E9:25:C1:EA
[CHG] Device 5C:C6:E9:25:C1:EA Connected: yes
[NEW] Endpoint /org/bluez/hci0/dev_5C_C6_E9_25_C1_EA/sep1 
[NEW] Transport /org/bluez/hci0/dev_5C_C6_E9_25_C1_EA/sep1/fd3 
Connection successful

Pronto! Se tudo correu bem, seu dispositivo Bluetooth deve estar conectado e funcionando.

Configurar o Bluetooth no Arch Linux pode parecer complicado no início, mas seguindo os passos acima, você poderá configurá-lo facilmente. Depois de finalizar a primeira parte do tutorial, você poderá conectar facilmente dispositivos como alto-falantes Bluetooth, fones de ouvido e teclados sem fio ao seu computador através da interface gráfica do seu sistema. Lembre-se de que, para parear e conectar um dispositivo Bluetooth, ele deve estar visível e dentro do alcance do seu computador.